44 euros é quanto custa ...

A JP Sá Couto já fez anunciar que o portátil Magalhães equipado com o novo processador Atom da Intel custa 329 euros já com IVA incluído. Sendo assim, custa mais 44 euros que a versão equipada com o antiguinho Celeron, que está à venda ao público por 285 euros. A diferença de...

Um dia o Magalhães poder...

Formato Tablet PC, com touchscreen giratório e uma inovação em relação aos ecrãs tacteais tradicionais – ignora a pressão que a palma da mão faz sobre o ecrã, facilitando o modo como a criança poderá “escrever” no monitor. Complementado com a robustez que o...

Incluirá o Magalhães o p...

A propósito do anúncio por parte da Intel da preparação da terceira geração do Classmate PC, surgiram informações que colocam dúvidas quanto à real configuração em termos de hardware do Magalhães, nomeadamente no que concerne ao processador que o irá equipar. A Intel...

Magalhães além da Intel ...

Se o “rosto” tecnológico mais presente no lançamento do Magalhães foi o de Craig Barrett – o CEO da Intel, afinal o portátil português também conta com a participação de outros gigantes do hardware e do software. Falamos da Microsoft e da Samsung. A Samsung...

A partipação da Intel no...

Embora outras partes tenham um papel decisivo na concepção do Magalhães, como é o caso da JP Sá Couto, não se pode descurar o papel e a participação da Intel neste projecto. Como já aqui apontamos, a Intel cede o design dos portáteis baseados no Classmate, e irá disponibilizar...

Magalhães é baseado na s...

O Magalhães, o portátil português para as crianças do primeiro ciclo de escolaridade, é baseado na segunda versão Classmate da Intel, o portátil desenvolvido especificamente para o mercado da educação pela empresa líder de processadores. A JP Sá Couto e a Prológica...

JP Sá Couto: os pais do ...

Desde que foi anunciado o primeiro portátil made in Portugal, o Magalhães, que as notícias se dividem quanto à propriedade do mesmo. Efectivamente, a propalada fábrica da Intel em Matosinhos, afinal não é da Intel, mas sim bem mais dos irmãos Jorge e João Paulo Sá Couto. A JP...