Incluirá o Magalhães o processador Atom da Intel?

Incluirá o Magalhães o processador Atom da Intel?

Incluirá o Magalhães o processador Atom da IntelA propósito do anúncio por parte da Intel da preparação da terceira geração do Classmate PC, surgiram informações que colocam dúvidas quanto à real configuração em termos de hardware do Magalhães, nomeadamente no que concerne ao processador que o irá equipar. A Intel anunciou que o modelo existente do Classmate 2 foi actualizado e inclui agora um processador Atom a 1,6GHz, com ecrã de 8,9 polegadas, disco rígido com capacidade até 30GB, suportando até 1GB de RAM. Assim sendo o Magalhães, que será produzido em Matosinhos e distribuído pelo governo português a 500 mil alunos do primeiro ciclo no próximo ano lectivo ao abrigo do programa e.escolinhas, baseia-se nesta actualização do Classmate 2, o que indicia que apresentará as mesmas características técnicas.

Entretanto, o falado Classmate PC 3 sofrerá uma actualização de hardware e software, assim como alterações ao nível do aspecto visual. Especula-se que a interface de utilizador do novo Classmate poderá ser desenvolvida pela Sugar Labs, empresa nascida a partir da fundação One Laptop per Child.

Mais informações foram prometidas para daqui a um mês.

ACTUALIZAÇÃO: Afinal, a directora-geral da Plataforma para os Mercados Emergentes, Lila Ibrahim da INTEL afirmou que a primeira série de Magalhães levará o processador Celeron e só depois será assemblado o novo processador Atom.

Technorati : , , , , ,

3 Comentários

  1. Pingback: O real carácter do genuíno português | Portátil Magalhães

  2. Pingback: Líbia pode ser dos primeiros importadores do computador Magalhães | Portátil Magalhães

  3. Já agora o primeiro computador construído (montado?) em Portugal foi em Coimbra, na FCTUC e já lá vão uns bons aninhos 🙂
    Quando ele chegar cá fora e for aberto … então veremos peças da correia, da china, etc …
    Mas que ele é giro e agradável para as crianças lá isso é e que conseguiu por as crianças todas eufóricas.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.