Extinta Fundação para as Comunicações Móveis

Fundação para as Comunicações Móveis extinta

Fundação para as Comunicações Móveis extinta

O Governo confirmou que vai encerrar a Fundação para as Comunicações Móveis, a entidade gestora dos programas de introdução nas escolas das novas Tecnologias de Informação, que promoveu a iniciativa e-escolinha centrado no portátil Magalhães.

Perante os deputados na Assembleia da República, Sérgio Monteiro, secretário de Estado, explicou que o governo vai propor que a fundação encerre. Segundo palavras do mesmo responsável, o fim da Fundação será realizado nos órgãos próprios e para isso é preciso o voto do Estado e dos operadores. Sérgio Monteiro entende que o objetivo da Fundação leva a crer que os operadores votarão favoravelmente na sua extinção.

“Isto não quer dizer que os programas não criaram valor. Alguns projetos têm um mérito enorme”, acrescentou ainda o secretário de estado, que para além disso confirmou a existência de uma divida da Fundação para as Comunicações Móveis aos operadores, no valor de 65 milhões de euros  – valor que poderá ser maior ainda quando estiverem totalmente apurados os dados relativos à banda larga e que terá de ser saldado através do orçamento de Estado.

 

 

Extinta Fundação para as Comunicações Móveis

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Voltar ao topo