Brasil, Bélgica e Luxemburgo querem computador português

Magalhães” height=”150″ width=”200″ alt=”Brasil Bélgica e Luxemburgo querem computador português”/>Outra novidade que resultou da cerimónia de assinatura do segundo memorando de entendimento entre o Governo português e Microsoft foram os nomes da Bélgica, Luxemburgo, e Brasil, que assim se juntam aos já conhecidos Venezuela e Argentina, na manifestação de interesse (nalguns casos mais do que isso), em adquirir o portátil português fabricado pela JP Sá Couto.

Agora, com mais este trunfo que efectivamente constituí o facto da Microsoft (por mais que gostemos ou não das estratégias e postura da gigante do software) passar a equipar o nosso portátil com um pacote de aplicações específicas em exclusivo mundial, o sucesso da expoertação do portátil parece cada vez mais real.

Quem sabe, muito em breve, o portátil português não se generaliza de tal maneira e tão globalmente, que o veremos, mais que o próprio ClassmatePC da Intel, a ser vendido para todo o mundo através do ebay!?

Technorati : , , ,

Mini-Loja: Livros do Dr. Seuss
Theodor Seuss Geisel, americano nascido em Springfield no início do século XX, foi um escritor e cartoonista, tendo ficado conhecido...
Mini-Loja: Jogos educativos com as aventuras dos Zoombinis
Os Zoombinis são os pacíficos habitantes de uma ilha que lhe dá o nome – a Ilha Zoombini. Certo dia, as suas vida foram...

3 comentários a “Brasil, Bélgica e Luxemburgo querem computador português”

  1. Pedro Lobo diz:

    E eu ando a tentar trazer para Macau e quem sabe Hong Kong desde Setembro… mas quase sem feedback nenhum desse lado…
    No entanto já comprei um, através do meu irmão, para o poder estudar e demonstrar…

    Continuem o bom trabalho e p.f. dêem noticias!!

  2. […] aqui já tínhamos referido num artigo anterior, um dos países para exportação do Magalhães poderá mesmo ser o Brasil. A Portugal Telecom […]

  3. […] Magalhães. Qualquer um destes onze, poder-se-á juntar aos casos já confirmados da Venezuela e Brasil. Pelos vistos as negociações já se encontram em estádio avançado, e muito bem encaminhadas com […]

Deixe um comentário


Venezuela será o destino de mais 1.6 milhões de computadores e 50 mil tablets Magalhães
O consórcio Youtsu, do qual faz parte a responsável pelo portátil Magalhães, vai produzir mais 1.6 milhões de computadores e 50 mil...
Portátil Magalhães no México com Paulo Portas
Agora foi a vez do Instituto de Estatística Mexicano ter escolhido os portáteis Magalhães para a recolha de dados para Census junto da...
Pais do Magalhães criam kit portátil de ensino para professores
Chama-se Kit Inspired Teacher e é uma espécie de escola ambulante. A recém rebatizada JP Inspiring Knowledge, a empresa responsável...
Rania assina parceria para o Médio Oriente com dona do Magalhães
Já sob a nova designação de JP Inspiring Knowledge, a empresa detentora do Magalhães assinou um acordo de parceria para o Médio...